Mr. Darcy brasileiro

22:02

Oi gente, vocês gostaram da nova "carinha" do blog? Deu um pouco de trabalho mas eu amei. Hoje pra ficar nesse clima de novidades boas vou falar de um livro que eu amo demais: Perdida. Meio que não é uma novidade, já li esse livro a um tempinho mas a Carina Rissi está fazendo bastante sucesso nos últimos meses (sucesso merecido) e muita gente está procurando pelos livros dela agora. Enfim já li também Procura-se um Marido, e logo vou escrever sobre ele aqui. 

Perdida conta a estória da Sofia, uma garota que perdeu seus pais, mas que tem uma super melhor amiga que as vezes também faz papel de mãe. Sofia é viciada em tecnologia e quase enlouquece quando em um "acidente" perde seu celular. Como é super dependente do aparelho logo vai as compras em busca de um novo mas algo muito estranho acontece, logo depois de ligar, o aparelho a leva em uma viajem no tempo. Ela vai parar no século 19 e não tem ideia de como voltar para casa.

Esse livro é lindo e tem partes tão engraçadas que eu até chorei de tanto rir (não é recomendável a leitura quando se estiver bebendo/comendo algo, pode causar situações constrangedoras). A Sofia como toda (generalizando...) donzela em perigo do século 19 acaba encontrando um Mr. Darcy... não, na verdade ela é encontrada no meio do nada por Ian Clarke um perfeito cavaleiro que oferece sua amizade, e mesmo ele sendo apaixonante a protagonista sabe que não deve se apegar as pessoas que vivem a dois séculos de distância.

Os personagens de Austen são citados no livro o que eu achei uma fofura, o livro favorito da Sofia é Orgulho e Preconceito e esse detalhe tem uma importância enorme no desfecho. Eu amo livros de "época" mais esse, como foi escrito recentemente, possuiu alguns pontos que nos aproximam mais da estória.

E eu não posso deixar de falar do nosso (quase Mr. Darcy) Ian lindo Clarke. Ele é o tipo príncipe encantado mesmo, mas sem ser chato ou irreal demais. Os personagens secundários também são interessantes, como a irmã do Ian e a melhor amiga da Sofia que estão lá a disposição para topar qualquer loucura da nossa protagonista (que é meio louquinha).

O final é sensacional e eu não me canso de dizer o quanto amo livros escritos por brasileiros. Os livros da Carina não deixam a desejar em nada comparando com os americanos, e o melhor de tudo é que não há os problemas de tradução (que me matam de raiva com meus livros gringos) e acho bem mais fácil visualizar os cenários.

Super indico Perdida e espero ansiosamente o próximo volume (que pelo o que vi nas redes sociais da Carina está em processo de criação).


Continue a nadar!

3 comentários

  1. Não curto muito livros de época, mas esse parece ser muito bom. Acho que pegarei emprestado com a minha amiga porque estou louca para ler alguma obra brasileira.
    Um abraço,
    Gabbi Levesque

    inverno-desconexo.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Leia Gabbi, ele é muito lindo e engraçado.

    ResponderExcluir
  3. Oii Ana, tudo bem?

    Adorei o blog, mas para uma cega como eu, hehhee a letrinha tá um pouco pequena, tem como aumentar, hehehe.

    Sobre a resenha, to louca para ler esse livro, sério, ele tá na Wishlist em primeirissímo lugar.
    A Carina é uma fofa e amei o outro livro dela, procura-se um marido, é super engraçado também,rolei de rir em váriaas partes :p

    Tem sorteio lá no blog, vem participar?
    http://traduzindo-sonhos.blogspot.com.br/2013/10/especial-outubro-sorteio.html

    Beijãoo!!

    ResponderExcluir