Aquela hora

04:55

Essa é a hora. É a hora de tirar a poeira da estante. A hora de destrancar a gaveta. De abrir as cartas antigas. De contar segredos sonhados. Foi-se o tempo de escrever para o vento. É tempo de transformar todas essas palavras em algo mais que apenas um passa tempo.

Continue a nadar!

0 comentários