Paz?

04:33

Já é dezembro mas isso realmente importa? A passagem do tempo parece tão trivial. Eu só quero esquecer de onde eu vim, esquecer pra onde eu desejo ir. Quero me desvencilhar dessa realidade e aceitar a paz do esquecimento.

Eu gostaria inclusive de esquecer do amor que sinto. Ele nem sempre trabalha ao meu favor. Na maior parte do tempo ele só me prende a algo do qual não me sinto pertencer. Eu nunca realmente fiz parte de algo mas isso não me impediu de amar. Por causa desse amor inconveniente eu tenho sonhos impossíveis e ilusões dolorosas.

Mas nada disso realmente importa. Eu só queria me esquecer, queria que me esquecessem. Estou cansada desses nossos desejos impossivelmente egoístas.

Continue a nadar!

0 comentários