Clube do Livro: A Lâmina da Assassina

05:22

Olá mundo! Como vai as coisas? A família? Eu vou bem, obrigada! Se eu não tenho vergonha na cara de ficar as férias inteiras sem postar nada? Sempre, mas hey, essa é a vida. A vida que está um caos e foi por isso em grande parte que o blog ficou esquecido, minha falta de organização é letal para projetos não obrigatórios. Mas a programação de agosto já está planejadinha e vou fazer o possível para por em prática.

Hoje vou falar do meu mais recente amor: a série Trono de Vidro. Descobri ano passado e me interessei por não saber o que pensar da capa. Esse livro de hoje é o 0.5, acontece antes do primeiro e é composto por cinco contos. Para quem ainda não leu recomento iniciar a leitura com esse volume, por isso vou falar dele primeiro.

A série conta a história de Celaena Sardothien, uma garota de dezessete anos que é uma assassina profissional. No mundo de Celaena todos pertencem a alguém, as pessoas estão escravizadas pelo poder ou pela falta dele e os livros se desenvolvem a partir da brutalidade e da coragem que os protagonistas precisam encontrar para sobreviver.

A série é comparada frequentemente com As Crônicas de Gelo e Fogo, mas diferente da história dos Starks e companhia, a jornada de Celaena me cativou. Aqui temos jogos de poder, mortes, manipulação e muitos, muitos assassinatos, mas J. Maas criou uma personagem fácil de se admirar.

Celaena é uma assassina, mas nesse volume podemos ver claramente o espírito que anos de violência e brutalidade não puderam quebrar. A beleza da personagem conquista seguidores fieis, e não me refiro apenas a beleza física, mas a coragem e a incapacidade da assassina em se resumir a apenas uma representação da morte. Celaena Sardothien é uma chama de vida em cada conto, mesmo sendo escrava de um mestre, de um rei, tem a liberdade como objetivo em cada escolha.

O mundo de Trono de Vidro é incrivelmente complexo e amplo e temos a chance de conhecer vários personagens interessantes, especialmente Sam, alguém que deixa repercussões em todos os livros seguintes da série. Acho difícil torcer para alguém como companheiro de Celaena, a cada volume a autora nos apresenta personagens reais, imperfeitos e impossíveis de não amar.

Nesse volume podemos ver que Celaena tem potencial para mudar o seu mundo.

Uma leitura complexa, divertida e viciante. Celaena Sardothien se tornou a minha protagonista favorita de todos os tempos.

Avaliação

Nota: 5/5
Capa: Linda, melhor da série
Descrição: Celaena Sardothien, espírito inquebrável 

Continue a nadar!

0 comentários